x Logo Dr. Visao

Dr. Visão

Guia To Go

15 h 31

Terça-feira, 25 Julho 2017

GUIA DE ENTREVISTAS

ENTREVISTA


Trauma ocular: o que fazer?

Quando ocorre algum acidente na região dos olhos, os riscos e cuidados devem ser significativos para se evitar seqüelas oftalmológicas. O que fazer diante disso? A adoção de medidas básicas pode ajudar a controlar problemas decorrentes do trauma ocular, que ocorrem com freqüência e são responsáveis por muitos atendimentos em serviços de saúde. Para uma orientação adequada com traumas oculares, o portal www.drvisao.com.br convidou o médico Emerson Castro, chefe do ambulatório de oftalmologia do Hospital das Clínicas de São Paulo, para esclarecer dúvidas comuns relacionadas aos traumas oculares.


Como são caracterizados os principais traumas dos olhos?


Resumidamente, o trauma ocular se divide em dois: os contusos e os químicos (queimaduras oculares). Em geral, ocorrem como com queimaduras. Nesse caso, a indicação é usar só água corrente e depois encaminhar a um serviço de saúde, se possível especializado. Nos contusos, com acidente ou perfuração, a dica é não colocar nada no olho, não usar colírios nem pomadas e, outra medida possível, é proteger o olho com copo plástico ao redor dos olhos. Se houver uma pancada no olho, com diminuição da visão, é bom fazer exames periódicos, pois pode haver futuramente um descolamento de retina. Nesses casos, o acompanhamento é muito importante.

Diante de qualquer trauma ocular, o que devemos fazer?


O mais importante é o que não fazer num trauma. Basicamente, deve-se recorrer a um serviço de saúde e evitar fazer algo antes de chegar a um serviço. Se der para ir a um local com atendimento oftalmológico, seria o ideal. Outra dica é fazer um acompanhamento posterior, pois alguns efeitos podem ser tardios e decorrentes de alguma eventualidade traumática nos olhos.

Quais as situações mais freqüentes em que ocorrem os traumas oculares?


Ainda é muito comum corpo estranho, fagulha e madeira com trabalhadores de indústrias e da construção civil. Há também bastante com acidentes domésticos (crianças), automobilísticos e por vítimas de violência. Outros importantes também são relacionados a esportes, principalmente com desportistas de final de semana. Em idosos, os traumas oculares são bem relacionados à queda por desequilíbrio.


Como os traumas oculares podem ser evitados?


A prevenção é fundamental, seja no ambiente doméstico ou em qualquer outro local. Na infância, é preciso tomar muito cuidado com objetos perfuro-cortantes e o trauma doméstico é bem comum. Na idade adulta, há o trauma relacionado à agressão, ocupacional (trabalho) e alguns são mais difíceis de abordar. Para evitar os traumas no ambiente de trabalho, bastaria seguir as leis rigorosamente e assim usar óculos específicos de segurança, os quais previnem bastante e servem a todos. Com idosos, uma recomendação importante é que na casa não tenha tapetes e os banheiros devem ter barra de proteção. Já em esportes, existem estudos mostrando que o uso de óculos pode prevenir 90% dos traumas oculares.

  • Seu nome

    Seu Comentário

    Seja o primeiro a comentar esta notícia, CLIQUE EM COMENTAR

Este Portal é um veículo de conteúdo, informação e divulgação sobre assuntos relacionados a oftalmologia (IMPRENSA), todo conteúdo veiculado é de responsabilidade de seus autores. NUNCA deixe de consultar o seu médico oftalmologista.
TEMAS
Portal DR. VISÃO - Todos os direitos reservados - ® 2000 - 2011