x Logo Dr. Visao

Dr. Visão

Guia To Go

12 h 44

Quarta-feira, 23 08 2017

GUIA DE NOTÍCIAS

NOTÍCIA


22/05/2007

Catarata: Casamento entre cirurgia e lentes é promissor


Em recente encontro da Sociedade Americana de Catarata e Cirurgia Refrativa, em San Diego (Estados Unidos), o uso combinado de cirurgia refrativa e lentes de contato foi enfatizado por diversos especialistas no tratamento de catarata. “Na prática, as lentes de contato oferecem uma oportunidade de atender melhor os pacientes, já que suas necessidades visuais estão relacionadas às tarefas do dia-a-dia”, disse o oftalmologista americano David Hardten.
Na opinião do doutor Renato Neves (foto), diretor do Eye Care Hospital de Olhos, em São Paulo, as novas lentes intraoculares (LIOs) são uma opção ainda melhor. “As novas LIOs dispensam o uso de óculos após o procedimento cirúrgico. Além de ser um procedimento seguro, as lentes intraoculares implantadas depois da cirurgia têm a função de ajustar a visão conforme a necessidade do momento. O ajuste é tão satisfatório com a nova geração de lentes, que dispensa o uso de óculos para perto ou para longe em 98% dos casos”, diz Neves.


De acordo com a Academia Americana de Oftalmologia, mais de vinte milhões de pessoas acima dos 40 anos sofrem de catarata e 90% da população adulta será portadora da doença depois dos 70. No Brasil, estima-se que pelo menos a metade dos idosos sofre da doença, em que a lente do cristalino vai ficando opaca e esbranquiçada, diminuindo a visão da pessoa.
A catarata avança aos poucos. O portador pode sofrer alterações na visão durante meses ou anos sem se dar conta da gravidade da questão. Por isso, os especialistas são unânimes em orientar pessoas com mais de 40 anos a fazer exames de fundo de olho anualmente.
Segundo Neves, na fase inicial da doença, o paciente nota maior facilidade para enxergar de perto, que progride para uma maior sensibilidade à luz e, principalmente, aos reflexos e brilhos à noite, visão embaçada, sensação de que as cores estão desbotadas e mudanças na cor da pupila. “Esse avanço progressivo impede a pessoa de realizar tarefas simples, como ler ou dirigir”.


Eye Care Hospital de Olhos – São Paulo

  • Seu nome

    Seu Comentário

    Seja o primeiro a comentar esta notícia, CLIQUE EM COMENTAR

Este Portal é um veículo de conteúdo, informação e divulgação sobre assuntos relacionados a oftalmologia (IMPRENSA), todo conteúdo veiculado é de responsabilidade de seus autores. NUNCA deixe de consultar o seu médico oftalmologista.
TEMAS
Portal DR. VISÃO - Todos os direitos reservados - ® 2000 - 2011