x Logo Dr. Visao

Dr. Visão

Guia To Go

08 h 31

Domingo, 20 08 2017

GUIA DE NOTÍCIAS

NOTÍCIA


21/05/2010

Canrobert leva a Natal inovação para corrigir grau

O oftalmologista Canrobert Oliveira, diretor do Hospital Oftalmológico de Brasília (HOB), apresentará amanhã, sexta-feira (21), no XIº Congresso Internacional de Catarata e Cirurgia Refrativa que se realiza em Natal (RN) até sábado no Centro de Convenções, o Soprador Térmico de Córnea. O equipamento, que o médico brasiliense vem desenvolvendo e aprimorando, desde 1995, tem a função de evitar e corrigir a formação de dobras e estrias que podem ocorrer durante a cirurgia de correção de grau por Lasik.
Mais de 10 anos de observação, análise e estudos científicos para evitar e corrigir a formação de dobras e estrias que podem ocorrer na córnea durante a cirurgia de correção de grau por Lasik, resultaram em uma caixinha metálica com a capacidade de deixar lisa a superfície do olho onde houve a intervenção. “A córnea parece uma pele de jaboticaba de tão lisa”, comemora o criador do Soprador Térmico de Córnea, o oftalmologista Canrobert Oliveira, relacionando a fruta brasileira à invenção nacional que traz benefícios a todas as pessoas que querem se ver livres dos óculos por correção cirúrgica.

Contribuição - Desde 1995, o oftalmologista brasiliense, que já realizou mais de 60 mil cirurgias refrativas, vem estruturando o Soprador Térmico de Córnea. Esta não é a primeira colaboração de Canrobert à evolução da oftalmologia. A partir da observação do processo cirúrgico, criou nos anos 90 o C-Procedure, atualmente adotado por cirurgiões de vários países para tratamento de astigmatismos altos e irregulares.

Reação - De acordo com Canrobert, o colágeno, tecido que compõe a córnea, tem propriedades físico-químicas que reagem favoravelmente ao Soprador Térmico. Depois de dois anos de utilização, ele diz que os resultados da aplicação do procedimento estão consolidados e aprovados inclusive pelos pacientes.

“O Soprador promove a contração das fibras de colágeno do disco corneano na cirurgia de Lasik para correção de grau, impedindo a formação de estrias e corrigindo aqueles casos que, no passado, já mostraram dobras e estrias”, explica Canrobert. O médico relata que estrias ocorrem involuntariamente durante a cirurgia e o Soprador Térmico interfere no processo e as elimina. Já as dobras, muitas vezes, aparecem em consequência de traumas como coçar e apertar o olho operado, apesar das advertências feitas aos pacientes após a correção.
ATF Comunicação

  • Seu nome

    Seu Comentário

    Seja o primeiro a comentar esta notícia, CLIQUE EM COMENTAR

Este Portal é um veículo de conteúdo, informação e divulgação sobre assuntos relacionados a oftalmologia (IMPRENSA), todo conteúdo veiculado é de responsabilidade de seus autores. NUNCA deixe de consultar o seu médico oftalmologista.
TEMAS
Portal DR. VISÃO - Todos os direitos reservados - ® 2000 - 2011