x Logo Dr. Visao

Dr. Visão

Guia To Go

10 h 44

Terça-feira, 27 Junho 2017

GUIA DE NOTÍCIAS

NOTÍCIA


23/11/2010

Prefeitura de Itabaiana realizará 150 cirurgias de catarata

Uma parceria firmada entre a Prefeitura de Itabaiana, através da Secretaria Municipal de Saúde, com o Instituto de olhos de Sergipe - IOSE, permitirá, em Itabaiana, uma série de cirurgias de catarata. Serão atendidos 150 cidadãos itabaianenses. As operações acontecerão nos dias 25, 26, 27 e 28 de novembro. Os pacientes contemplados foram atendidos nos postos de saúde do município, onde foi detectado o problema e agendado a intervenção cirúrgica.

O mutirão contará com uma equipe de 15 profissionais liderados pelo Dr. Vinícius Cunha Gois, Diretor do IOSE. Serão três oftalmologistas, um anestesista, um enfermeiro, quatro técnicos em enfermagem e seis técnicos em oftalmologia. "A equipe está mobilizada e concentrada nesse mutirão. Nosso objetivo maior é assistir da melhor maneira a população itabaianense e proporcionar uma vida melhor, devolvendo a visão a estas pessoas", avaliou Vinícius Cunha.

Catarata é a denominação dada a qualquer opacidade do cristalino, que não necessariamente afete a visão. É a maior causa de cegueira tratável nos países em desenvolvimento. Segundo a Organização Mundial da Saúde há 45 milhões de cegos no mundo, dos quais 40% são devidos à catarata. Podemos classificar as cataratas em: congênitas, de aparecimento precoce ou tardio e, adquiridas, onde incluímos todas as demais formas de catarata inclusive a relacionada à idade.

A cirurgia de catarata consiste na substituição do cristalino opaco por uma lente artificial. Embora seja um procedimento cirúrgico extremamente complexo, os avanços tecnológicos registrados na Oftalmologia nos últimos anos permitem que esta cirurgia seja realizada de forma rápida e segura, sob anestesia local.

Os sintomas mais freqüentes são: diminuição da acuidade visual, sensação de visão "nublada ou enevoada", sensibilidade maior à luz, alteração da visão de cores, mudança freqüente da refração. Inúmeros fatores de risco podem provocar ou acelerar o aparecimento de catarata, incluindo medicamentos, substâncias tóxicas como a nicotina, doenças metabólicas como o diabetes, doenças renais entre outras, trauma, radiações - Raio X, patologia ocular - alta miopia.

Tipos de catarata:

Catarata Congênita: é aquela que está presente no portador desde seu nascimento. Em geral, ocorre quando a gestante sofre de rubéola no início da gravidez e também pode ser hereditária.

Catarata Inflamatória: inflamações intra-oculares podem ocasionar catarata. Para evitar esta complicação, o ideal é consultar um oftalmologista sempre que notar algo diferente nos seus olhos ou na sua visão. Dor, vermelhidão, cansaço visual e sensibilidade à luz podem ser um sinal de algo não vai bem.

Catarata Medicamentosa: todo medicamento tem em sua fórmula substâncias específicas para tratar um determinado problema. Pessoas que usam remédios por conta própria, sem a recomendação de um médico, estão arriscando a saúde. Alguns medicamentos, que têm em sua composição um elemento chamado corticóide, em longo prazo ou em excesso, podem propiciar o surgimento da catarata.

Catarata Metabólica: alterações do metabolismo como diabetes, colesterol alto, doenças do fígado, hormônios também podem levar a formação de catarata.

Catarata Senil: o passar dos anos atinge todas as partes do corpo. Em função do envelhecimento, o cristalino perde suas características (transparência e mobilidade) dando origem à catarata.

Catarata Traumática: agressão física, grandes quedas e acidentes automobilísticos são exemplos de situações críticas que podem ocasionar este tipo de catarata. Por isso, ao passar pelas situações citadas ou similares, consulte um oftalmologista.

Doenças como glaucoma e diabetes também podem favorecer o surgimento de catarata.
Ne Notícias

  • Seu nome

    Seu Comentário

    Seja o primeiro a comentar esta notícia, CLIQUE EM COMENTAR

Este Portal é um veículo de conteúdo, informação e divulgação sobre assuntos relacionados a oftalmologia (IMPRENSA), todo conteúdo veiculado é de responsabilidade de seus autores. NUNCA deixe de consultar o seu médico oftalmologista.
TEMAS
Portal DR. VISÃO - Todos os direitos reservados - ® 2000 - 2011