x Logo Dr. Visao

Dr. Visão

Guia To Go

16 h 32

Quinta-feira, 23 Outubro 2014

GUIA DE NOTÍCIAS

NOTÍCIA


19/07/2011

Exame de vista no combate a graves doenças

Oftalmologistas têm auxiliado no diagnóstico de patologias, que nem sempre estão relacionadas à saúde dos olhos.

As visitas regulares aos consultórios de oftalmologia deixaram de ser apenas um cuidado com os olhos e se tornaram aliadas no diagnóstico de graves doenças, que nem sempre estão relacionadas aos olhos, mas podem ser identificadas por meio deles. Com um simples exame, como o de fundo de olho, é possível identificar, precocemente, sintomas de diversas patologias, como tumores, acidentes vasculares, distúrbios na tireóide, hiperglicemia, diabetes, inflamações, hipertensão, disfunções hormonais, entre outras, e evitar que o paciente chegue a quadros irreversíveis, que podem levar à perda da visão.

Segundo o médico oftalmologista e diretor do Instituto de Catarata de Brasília (ICB), Leonardo Akaishi, algumas alterações revelam nitidamente o sinal de disfunções em outros órgãos do corpo, como, por exemplo, a anemia. “Quando o paciente chega ao consultório analisamos não só as dificuldades para enxergar, mas todo o histórico dessa pessoa. E quando percebemos alguma anormalidade o encaminhamos imediatamente para análise de outros especialistas”, garante.

O médico explica que os exames de rotina também auxiliam no controle de algumas doenças e ajudam a evitar complicações maiores. Pessoas com diabetes, por exemplo, precisam estar sempre monitorando a saúde dos olhos, pois a evolução da patologia pode levar à cegueira. “Muitas doenças são silenciosas. Na maioria das vezes, o paciente só descobre a gravidade quando já não pode mais controlá-las. Por isso, a importância de um acompanhamento periódico”, adverte.

Há pouco mais de dez anos, o Ministério da Saúde instituiu o dia 10 de julho como o Dia da Saúde Ocular. A data visa alertar a população sobre a importância do acompanhamento oftalmológico.

Saiba mais:

Alguns incômodos nos olhos podem denunciar riscos à saúde.

Seguem abaixo alguns exemplos:

Pupila dilatada: Pode ocorrer também em glaucoma, tumores e doenças do sistema nervoso central.

Visão dupla: Tumor intracraniano, acidentes vasculares centrais, traumas ou hiperglicemia., devem ser pesquisados.

Olhos saltados e inchaço: São sinais, principalmente, de distúrbios da tireóide.

Mudança na cor dos olhos: Pode ser causada por medicamentos. Também pode sinalizar inflamações oculares.

Cegueira momentânea: Tumor intracraniano, má circulação no cérebro ou arritmia cardíaca., devem ser pesquisados.

Visão borrada: Ocorre em diabetes, no sangramento interno dos olhos, nas inflamações ou em casos de hipertensão arterial.

Olho seco: Indica disfunções hormonais, menopausa ou Síndrome de Sjogren, doença reumática crônica.
RP1 Comunicação Brasília

  • Seu nome

    Seu Comentário

    Seja o primeiro a comentar esta notícia, CLIQUE EM COMENTAR

Este Portal é um veículo de conteúdo, informação e divulgação sobre assuntos relacionados a oftalmologia (IMPRENSA), todo conteúdo veiculado é de responsabilidade de seus autores. NUNCA deixe de consultar o seu médico oftalmologista.
TEMAS
Portal DR. VISÃO - Todos os direitos reservados - ® 2000 - 2011