x Logo Dr. Visao

Dr. Visão

Guia To Go

10 h 50

Quinta-feira, 21 09 2017

GUIA DE NOTÍCIAS

NOTÍCIA


29/06/2005

Pfizer nega risco de cegueira com uso de Viagra

O laboratório Pfizer disse na segunda-feira que uma revisão de seu popular medicamento contra impotência, o Viagra, revelou que não existem evidências de maior risco de cegueira entre pacientes que usam o tratamento para disfunção erétil. <BR><BR> O laboratório informou, no entanto, que está discutindo com reguladores de saúde nos Estados Unidos a possibilidade de revisar a bula do Viagra para citar os raros relatos de uma grave condição ocular conhecida como neuropatia óptica isquêmica anterior não-arterítica (Naion) em alguns homens que usaram o medicamento. <BR><BR> A Pfizer disse acreditar que a Food and Drug Administration (FDA), agência reguladora de drogas e medicamentos nos EUA, solicitou que informações similares sejam incluídas nas bulas de todos os remédios orais para disfunção erétil. <BR><BR> No lucrativo mercado de impotência sexual, o Viagra compete com o Cialis, vendido por Eli Lily e Icos, e o Levitra, comercializado pela GlaxoSmithKline e Bayer. <BR><BR> A FDA concluiu que não existe uma relação de causalidade entre o Viagra e a Naion. Mas o laboratório concordou com a agência de incluir o relato desses casos na bula do medicamento para ajudar a informar médicos e pacientes, de acordo com a Pfizer. <BR><BR> "Não há evidência de que o Viagra causa cegueira ou qualquer outro problema ocular grave", disse Joseph Feczko, chefe médico da Pfizer, em um comunicado. <BR><BR> "Diversos estudos analisando especificamente o efeito do Viagra sobre a visão realizados pela Pfizer, assim como por especialistas em oftalmologia independentes, verificaram que o Viagra não produz efeitos adversos graves sobre a visão", acrescentou Feczko.
Reuters

  • Seu nome

    Seu Comentário

    Seja o primeiro a comentar esta notícia, CLIQUE EM COMENTAR

Este Portal é um veículo de conteúdo, informação e divulgação sobre assuntos relacionados a oftalmologia (IMPRENSA), todo conteúdo veiculado é de responsabilidade de seus autores. NUNCA deixe de consultar o seu médico oftalmologista.
TEMAS
Portal DR. VISÃO - Todos os direitos reservados - ® 2000 - 2011